Litecoin Mineradora:

Litecoin Miner - Mine and Earn free Litecoin

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Espiritualidade X "Religiosidade"

Espiritualidade x "Religiosidade"

“Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito”. (Romanos 8:1).

O que é mais importante na vida de um ser humano, se não buscar e conhecer a Deus em sua santidade. Ter intimidade e comunhão com o Senhor. Temos visto nestes dias um número elevadíssimo de cristãos superficiais, pessoas que apesar de tanto tempo na igreja ainda não tiveram nenhuma experiência real com Deus! Este fenômeno tem ocorrido devido a  falta de identidade que o cristianismo tem sofrido ultimamente, Quando alguém se converte as pessoas e principalmente os lideres, ao invés de apontar os caminhos para uma espiritualidade sincera diante de Deus, a primeira coisa que faz é colocar regras, dogmas para enquadrar as pessoas na caixinha da religião, é só você ver os discipulados que são meros estudos sistematizados  e metódicos para colocar o cabresto da religiosidade nas pessoas, com isso não quero dizer que o discipulado seja uma prática inútil, porém a maneira como é aplicado nas igrejas não passa de letra morta sem sentido nenhum para um novo convertido. A Igreja primitiva é a igreja que eu sempre tomo como referencia em minhas mensagens e o “Fazer Discípulos” que eles praticavam ia além de doutrinação, era uma vida de testemunho eficaz que eles vivenciavam. “E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus. E era um o coração e a alma da multidão dos que criam, e ninguém dizia que coisa alguma do que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns. E os apóstolos davam, com grande poder, testemunho da ressurreição do Senhor Jesus, e em todos eles havia abundante graça” (Atos 4:31-33). Experiência com Deus é o que eles tinham de fato e é isso que falta à igreja contemporânea, Deus não mudou, Ele continua o mesmo, a igreja é que mudou, mas o poder que operava nela ainda pode operar hoje, basta só voltarmos a essência do evangelho vivo, intimo de Deus. Quem tem essa intimidade com Deus vai aprendendo as coisas necessárias para uma vida cristã abençoada e no seu dia a dia busca se firmar na palavra sem imposições, com toda a certeza se a igreja e os lideres orassem mais, a história da igreja no Brasil seria outra. Em muitos países em que o cristianismo é perseguido, os cristãos estão prontos para morrerem pelo evangelho, e Deus tem operado maravilhas no meio deles, não para que eles se convertam pelos milagres, como dizem alguns religiosos, pois Deus não precisa provar nada pra ninguém, mas é porque o nível de intimidade que eles têm com Deus é outro, e é esse sentimento que devemos resgatar em nossas vidas, o sentimento de que Deus é o primeiro, e as outras coisas são secundárias. É isso que vai fazer a diferença.

Nenhum comentário:

Postar um comentário